Iosu Aramburu | Peru

É artista visual, bacharel em artes pela Pontificia Universidad Católica del Perú, Lima, 2010. Atua com instalação, pintura e escultura. Em seu trabalho, a modernidade e a ideologia do progresso são questionadas através da colisão de suas imagens e representações que, assim, nos são apresentadas como ruinas. Com ênfase no contexto arquitetônico peruano da metade do século XX, o artista recorre à montagem e às operações da arte abstrata para produzir uma nova série de relações que revelam aspectos e possibilidades ocultas a partir dos escombros dos projetos modernos. Suas obras foram expostas no La Ene, Nuevo Museo de la Energia de Arte Contemporáneo, Buenos Aires, Argentina (2013); ARCO, Madri, Espanha (2013); PArC, Lima, Peru (2013); ArtBA, Buenos Aires, Argentina (2012); Centro Cultural de España, Lima, Peru (2010). Suas obras integram coleções internacionais como a Patricia Phelps de Cisneros Collection, The Pérez Art Museum Miami, The Sayago & Pardon Collection, entre outras. Vive e trabalha em Lima. 

Escultura abstracta | 2014, escultura

A escultura replica um tipo de tijolo decorativo muito comercializado por empresas de construção civil peruanas nas décadas de 1960 e 70. Esse tijolo foi um dos elementos da cultura colonial peruana que a arquitetura moderna incorporou e reinterpretou. Ao trabalhar com sua materialida- de e com a visualidade de um período, a instalação fala da necessidade de promover uma arqueologia profunda nas ruínas da arquitetura moderna, a fim de buscar aquilo que, dela, foi esquecido e encoberto.

artistas selecionados pelo edital de obras