Hui Tao | China

Artista contemplado com o GRANDE PRÊMIO do 19º Festival

É artista visual, bacharel em pintura pelo Instituto de Belas Artes Sichuan, Chongqing, China, 2010. Trabalha com artes gráficas, pintura, vídeo, objeto e instalação. Em sua obra, o artista recorre a procedimentos tecnológicos e a elementos da tradição chinesa, principalmente provenientes de sua infância no interior da China, para questionar as ideias de globalização, as relações virtuais e o pensamento hegemônico. A coexistência de diferentes tempos e culturas, do ambiente urbano e da vida rural, próprios ao contexto chinês, onde tradição e progresso caducam e se reinventam, é um aspecto constante em  seu trabalho. Participou de exposições como Où vas-tu, Espace des Arts Sans Frontières, Paris (2014); Positive Space, Times Museum, GuangZhou, China (2014), Leap Video Project, Hong Kong, China (2013); The Worst Show, Gland, Pequim, China (2012);  WuSi Youth Art Festivals, Pequim, China (2011); entre outras. Vive e trabalha em Pequim. 

Talk about body | 2013, vídeo

O artista se apropria da linguagem dos programas de televisão chineses para discutir a coexistência de diferentes tempos e culturas, do ambiente urbano e da vida rural, de tradições e progressos que caducam e se reinventam. Sentado em sua cama, trajado como uma mulher islâmica, ele se descreve. O vídeo discute, com sutileza e força, a aleatoriedade da ideia de pertencimento e o alheamento subjetivo intrínseco ao conceito de identidade.

artistas selecionados pelo edital de obras